Está muito enganado quem acredita que a guerra pela Reforma da Previdência acabou e foi vencida pelos reformistas.

Nesta quinta-feira (11) teremos a votação de pelo menos 15 destaques ao texto-base aprovado ontem (veja aqui como cada deputado votou).

Enquanto alguns destaques visam privilegiar funcionários públicos (saiba mais aqui), outros praticamente acabam com a reforma recém-aprovada no plenário da Câmara.

E sim, é perfeitamente possível que deputados que aprovaram o texto-base ontem votem para destruir a reforma hoje.

Lembrando que depois da conclusão da votação dos destaques ainda teremos a segunda votação no plenário da Câmara dos Deputados, a votação na CCJ do Senado e duas votações no plenário do Senado.

Uma longa guerra.

A guerra pela aprovação da Reforma da Previdência continua. Faça parte: clique aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like