Uma ironia do destino selou o assassinato do ex-governador do Espírito Santo e ex-senador Gerson Camata, 77 anos, ocorrido ontem (26) na Praia do Canto, em Vitória.

Camata foi o autor do Projeto de Lei do Senado 292/1999, posteriormente aprovado pelo Congresso Federal e transformado na Lei Ordinária 10826/2003, conhecido como Estatuto do Desarmamento.

O autor do homicídio, o ex-assessor de Camata, Marcos Venicio Moreira Andrade, utilizou uma arma de fogo sem registro para matar o político com um disparo no pescoço.

Ou seja, a lei criada por Gerson Camata, responsável por transformar milhões de brasileiros em vítimas indefesas de criminosos, não protegeu o próprio Camata.

425 comments
  1. Putz…isso aconteceu em 2018 e estão comentando agora? Se o Camata tivesse uma arma e atirasse no cara que o matou, o crime só mudaria de lado. Cada argumento pra defender cada ideia…

    1. Melhor um cidadão de bem vivo e um bandido morto domqur uma pessoa de bem morta e um bandido vivo. Talvez se fosse um filho seu, você pensaria diferente.

    2. Tem gente que gosta de “levantar defunto”! Vamos então extinguir as facas dos faqueiros, martelos, pedras e por aí vai….

  2. Na vdd, a arma do assessor tinha registro, mas estava vencido. Portanto, o porte e posse estavam irregulares. Contudo, se o autor do estatuto estivesse armado, talvez tivesse a chance de defender-se e o desfecho da história poderia ser outro. Fato é que desarmar o cidadão não diminui a intenção do criminoso cometer o crime, apenas lhe dá mais segurança para tal. A intenção de praticar o crime independe do criminoso ter em mãos um revólver, uma faca, uma chave de roda ou um taco de beisebol. A solução para isto está no temor a Deus, no fortalecimento da família em torno desta crença, e na educação cidadã desde o ensino básico (e não falo de uma disciplina, mas de uma prática moral e cívica).

  3. Foi morto por uma arma legalizada? Não, isso é mais uma prova que só bandido tem arma nesse país. Eu como Brasileiro, quero ter o direito de andar armado.

  4. Foi morto por uma arma legalizada? Não, isso é mais uma prova que só bandido tem arma nesse país.

  5. De forma simplória e meio infantil , poderíamos dizer: demagogia tem perna curta!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like