A cantora Claudia Leitte – que sumiu com R$ 1,2 milhão da Lei Rouanet – tenta censurar na Justiça um vídeo que critica artistas, como ela, que utilizaram a lei para obter dinheiro.

Intitulado “Para a Claudia Leite não faltou grana – Museu História Natural”, o vídeo feito pelo então candidato a deputado federal pelo Rio de Janeiro, Allan Caldas (PSD), foi ao ar no dia 03 de setembro e tem menos de 2 mil visualizações até o momento.

Em vinte segundos, Allan ataca o uso da Lei Rouanet por artistas enquanto o Museu Nacional pegou fogo por falta de dinheiro. “O museu pegou fogo por falta de verbas. Existe mais de bilhões pra Lei Rouanet, pros artistas, e não teve dinheiro para o museu. Isso é um absurdo, isso não pode acontecer!”, afirma Allan.

A única menção feita a Claudia Leitte foi no título do vídeo, mas isso não foi suficiente para evitar o processo judicial de censura, impetrado no dia 17 de setembro de 2018 na 27a Vara Cível de São Paulo, duas semanas depois que o vídeo foi ao ar, contra o Google (proprietário do Youtube).

Na petição inicial, os advogados de Claudia afirmam que o vídeo foi uma “ofensa à honra” da cantora e pedem a remoção do vídeo além de multa de R$ 1 mil a ser paga pelo Google. O recurso da empresa contra a ação de censura ainda não foi julgado, o que manteve o vídeo no ar até o momento.

Confira o vídeo que Claudia Leitte tenta censurar:

Contribua com o trabalho da Agência Caneta: clique aqui

2 comments
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like