Há um trecho interessante na entrevista que Lula concedeu a Glenn Grewald no último dia 21 de maio.

Como agora sabemos, Glenn visitou Lula na sede da Polícia Federal em Curitiba para entrevistá-lo nove dias depois de entrar em contato com o hacker que invadiu as contas no Telegram de centenas de pessoas pelo país e receptar o material roubado.

Durante trecho da entrevista em que Lula critica a Lava Jato (abaixo), o receptador do Intercept promete ao criminoso petista que “já estamos trabalhando com essas questões, investigando…”. Lula interrompe o americano antes que ele complete a frase.

No dia 9 de junho, dezenove dias depois da entrevista, o Intercept começou a divulgar as “mensagens” roubadas.

A guerra pela aprovação da Reforma da Previdência continua. Faça parte: clique aqui

2 comments
  1. Esse bandido americano travestido de jornalista tem que ser punido. Continua pagando pra sustentar Jean Willys na Europa, quando o dinheiro acabar o Jean Willys vai abrir o bico. Esse lula ladrão tem que mofar na cadeia, foi o maior ladrão da história do Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like