A Folha de São Paulo resolveu dobrar a aposta no conteúdo lacrador. A jornalista Paula Cesarino Costa, até então ombudsman da Folha, assumiu a mais nova diretoria do “jornal” sediado perto da Cracolândia: a “Diretoria de Diversidade”, ou seja, de lacre.

“A intenção é trabalhar de modo transversal na Redação, atuando na discussão de pautas, na diversidade de enfoques, buscando ampliar as fontes ouvidas”, afirmou Paula ao assumir o novo cargo.

Segundo Sérgio Dávila, diretor de Redação da Folha, a nova diretoria também analisará reportagens já publicadas – apontando, por exemplo, se as fontes ouvidas foram apenas heterossexuais e brancas – e sugerirá novas fontes para pautas e artigos. A nova diretora de lacre também participará dos processos de contratação de jornalistas para que haja “preocupação com a diversidade”.

Outra função da nova diretora de lacre será fazer um recenseamento das pessoas que ocupam colunas, blogs e podcasts e dos temas neles abordados, além de garantir que a “diversidade” exista nos seminários e eventos promovidos pelo jornal. Curiosamente, a notícia sobre a criação da nova diretoria de lacre foi marcada pela própria Folha com as tags “gay” e “casamento gay”.

Em outras palavras: para a Folha não importará mais o conteúdo, mas sim a capacidade de obter pontos na escala da “justiça social” com muitos lacres.

A guerra pela aprovação da Reforma da Previdência continua. Faça parte: clique aqui

22 comments
  1. O jornal tenta se manter através do publico gay, pois o publico mais conservador abandonou a leitura deste jornal… Um jornal que daqui a pouco só vai ser dedicado a públicos específicos, e não ao público em geral!
    Duvido que alcance os 100 anos em 2021… Tomara que feche antes!!

  2. Folha de Sao Paulo = Tabloide Ingles de ultima categoria. Jornalismo deveria ser o retrato fiel dos fatos, e jornalista o instrumento preciso para publicar e assinar com honestidade este retrato. Lamentavel nao poder dizer isso desse jornal “tradicional”. A Folha esta falindo, e não cumpre este destino sem tempo. Empresa alicerçada no mau caratismo, embalada por jornalistas prostituidos, na contramão da historia e dos valores morais basicos da civilidade.

  3. Diversidade uma ova…..acho que essa criadagem, que é do diabo, já ocupa muito espaço na mídia!!! Chega!!!!
    A bíblia é bem ckara: “os afeminados não herdarão o reino de Deus”….essa é a verdade é pronto. Se eles não se consertarem o inferno é logo ali…..

  4. Se fossem jornalistas de verdade, saberiam que essa estratégia copiada sem alterações do exterior, já deu errado lá fora. Mas isso é ótimo. É a Falha de São Paulo pisando fundo ladeira abaixo.
    #GetWokeGoBroke. #QuemLacraNaoLucra

  5. Me responda quem for capaz: qual mídia, principalmente, a aberta que trata as notícias antes de divulga-las. Vamos acordar meu povo!

  6. Nossa, porque as pessoas perdem seu tempo com coisa tão fútil como escrever esse artigo?
    Porque a opinião do outro te dói se não tem nada a ver com você?
    Vivam suas vidas, parem de se preocupar com a dos outros.
    Campanha pela vida, cada um cuida da sua.

    1. Concordo com você Jade. Possivelmente a diretoria foi criada para ajudar a linha editorial do jornal a refletir a diversidade de nossa sociedade que é plural. Quem defende o pensamento único é a extrema esquerda ou a extrema direita. Depois não querem ser tachados de fascistas pois assim era na Alemanha nazista onde o pensamento divergente era combatido. No fundo eles também são iguais aos comunistas. Precisamos de ideias liberais no Brasil. Por aqui o iluminismo nem chegou.

    2. Essa idéia de “cada um cuidar da sua vida” realmente seria ótima, só que acho que você podia começar sua campanha nos editorias da Folha que gritam histericamente “NAZISMO!!! NAZISMO!!!” contra qualquer iniciativa que permita que as pessoas não-esquerdistas cuidem das suas vidas como querem.

  7. A Folha de São Paulo sempre jogou sujo. Composta de jornalistas sem escrúpulos. Não tem credibilidade.

  8. A folha de São Paulo? Faz me rir kkkk, já faliu faz tempo. Horrível!!!!!! Folha de São Paulo? Kkkkkkkk ,

  9. Uma vez lixo , sempre lixo, não tem como retroceder mais , é daí pra falência financeira, porque a moral e ética já se foi a tempos!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like