A viagem dos deputados do PSL à China para trazer o sistema de controle social da ditadura, com tudo pago pelo Partido Comunista da China, foi organizada pelo deputado eleito Alexandre Frota (PSL/SP). É o que afirma o próprio Frota em mensagem no seu Twitter (abaixo).

Segundo Frota, na segunda-feira (14) saiu “o primeiro bonde do Frota para a China”. O deputado eleito afirma que “não irei (sic) mas organizei, convidei alguns amigos e aprovei a lista final”. De acordo com Frota, “além do piquenique na muralha da China a agenda inclui 6 reuniões e visitas”.

Ironicamente, há pouco mais de um ano, Frota afirmou que Temer – em viagem oficial pela China – estava “na China comunista vendendo o Brasil” e que “o PMDB não vale nada, Temer muito menos”.

Dois assessores de Frota, Cleber Teixeira e Vinicius Aquino, fazem parte do grupo que viaja pela China, além dos deputados federais eleitos Carla Zambelli, Daniel Silveira, Tio Trutis, Felício Laterça, Bibo Nunes, Charlles Evangelista, Marcelo Freitas, Sargento Gurgel e Aline Sleutjes, e a senadora eleita Soraya Thronicke, todos do PSL; e o deputado federal eleito Luis Miranda, do DEM.

A guerra pela aprovação da Reforma da Previdência continua. Faça parte: clique aqui

10 comments
  1. Contradição em pessoa. É bom ficar de olho em parlamentares que mudam de ideia ao sabor do vento. Esta flexibilidade e preocupante. Se houver escândalos futuros não culpem Bolsonaro. São bem grandinhos para responderem pelos próprios atos.

  2. Esses idiotas povo do PFL chinês foram bancados pelo partido comunista chinês para fazer lobby e ganhar dinheiro nas costas de nós povo burro brasileiro, vão ajudar a China tomar conta das riquezas do Brasil.

  3. Esse povo do PFL chinês foram bancados pelo partido comunista chinês para fazer lobby e ganhar dinheiro nas costas de nós povo burro brasileiro, vão ajudar a China tomar conta das riquezas do Brasil.

  4. Na verdade até a extrema direita sabe que pra dar certo tem que haver um meio termo entre o socialismo e o capitalismo…
    A China e grande parceria comercial do Brasil não podem dar ao luxo de perder…
    Ou pode ser que a viagem seja pra desviar o foco do caso do filho do Bolsonaro…
    Enfim o Brasil tenta sair do buraco e acaba caindo no abismo…

    1. O Governo do Bolsonaro nunca foi extrema-direita. Foi no máximo neo-liberal. Quando mais para a direita é menos Estado, então no extremo, é a extinção do Estado. Não sou contra o comércio entre as duas nações, mas, sou contra trazer tecnologias, que pode servir como espionagens para a China.

  5. O PSL vai custar caro áo governo do Bolsonaro e ao país. Partideco c representantes deslumbrados.

  6. Esse bando de imbecis estão atrapalhando o Bolsonaro, parem de querer aparecer e trabalhem mais pelo Brasil, trabalhem sem alarde bando de hipocritas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like