Em um editorial publicado no dia 15 de julho, Glenn Greenwald e Leandro Demori afirmaram que “diversas fontes disseram ao Intercept ao longo dos últimos dias que a Polícia Federal está considerando realizar essa semana uma operação que teria como alvo um suposto ‘hacker’, que hipoteticamente seria a fonte do arquivo”.

A operação mencionada pelos editores do Intercept aconteceu pouco mais de uma semana depois, quando quatro suspeitos de invadir celulares de diversas autoridades foram presos, incluindo um hacker que confessou os crimes e o fornecimento do material ao Intercept.

Glenn e Demori inclusive já tinham a narrativa para a prisão. “Esse suposto hacker seria estimulado a ‘confessar’ ter enviado o material ao Intercept e o adulterado”, afirmaram.

A dúvida que fica no ar é: quem avisou os receptadores?

A guerra pela aprovação da Reforma da Previdência continua. Faça parte: clique aqui

9 comments
  1. Se isso realmente aconteceu, por que não deram sumiço nos rackers???
    De duas uma, ou verdevaldo e deumole são burros ou deixaram pegar 4 manes como bode expiatório. Nâo deve ter sido à toa aquela reunião do verdevaldo-baba e os 40 advogadrão.

  2. Foram muitos anos de governo petista. Está tudo aparelhado e dentro da policia tambem há aparelhamento. Vai demorar muito para limpar o estado destes demonios.

  3. Claro que sabiam, viram que o cerco estava fechando em cima deles e que realmente iriam prender o hacker, tentaram dar uma de espertos para tirar da reta. Infelizmente pra eles é; perdeu playboy…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like