Após o Intercept divulgar “mensagens” de um procurador preso e vindas do futuro, o fundador Glenn Greenwald tentou justificar os erros, mas acabou se enrolando ainda mais.

Em tweet feito durante a madrugada (arquivado aqui), Glenn afirma que “foi um erro de edição apanhado pela checagem de fatos antes da publicação”.

Ou seja, em poucos caracteres Glenn admitiu que o Intercept edita as tais “mensagens” que afirma possuir e que pode adulterá-las à vontade.

Pior: o ex-advogado de um líder neonazista ainda mentiu na justificativa. Como os prints obtidos comprovam, o Intercept editou as “mensagens” depois da publicação e não antes.

No mais, se as supostas mensagens existem e o Intercept sabe o autor de cada uma delas, por que seria necessário fazer “checagem de fatos” das “mensagens”? A autoria não poderia mudar magicamente como o Intercept fez.

Por fim, é importante lembrar que o Intercept só alterou as “mensagens” após a publicação inicial porque dezenas de pessoas apontaram os erros da matéria no Twitter. Glenn inclusive apagou o tweet inicial de divulgação da nova matéria.

É o “jornalismo” de Taubaté.

O “jornalista” de Taubaté se enrolando para explicar as manipulações do Intercept
A guerra pela aprovação da Reforma da Previdência continua. Faça parte: clique aqui

17 comments
  1. esses pangare esquerdistas tem que ser e. presos esse STF tá cheio de lixo a lava jato ainda e a esperança de muitos patriotas .esse bandido tem que ser expulso do nosso país basta os mentiroso e esquerdistas ladrões destruidores de só nos e da pátria que tem nosso país ainda vem mais um pra atrapalhar .tem que ser dado u. jeito de parar com a carreira destes safados e ponhar eles na cadeia

  2. Kkkkkk. Esse sujeito ostenta um Pulitzer que nem é dele. É do jornal em que trabalhou nos EUA. O verdadeiro ganhador, autor da reportagem que levou ao recebimento do prêmio é de um colega dele. Esse sujeito é tão desavergonhado que até disso se apropriou. Realmente a esquerda não cria, nem produz. Somente tenta se apropriar do trabalho de outros.

    1. Esse é o problema do brasileiro, gosta de dar carteirada. Desde quando Pulitizer é atestado de idoneidade cara? O cara ganhou um Pulitizer e foi beatificado? Nunca mais irá mentir ou cometer crimes? Will Durant também ganhou um Pulitizer e foi o maior mentiroso e apoiador do Stalin(que matou mais que o dobro do Hitler), pare de ser assim jovem.

  3. Agora é preciso prender esses bandidos de esquerda que só servem para atrapalhar o trabalho da lava-jato bem como limpar o STF também cheio de esquerdista….

  4. O mais absurdo é que muitos canhotas já estavam comemorando a derrubada da lava jato e preparando a cachaçada para o Lula ladrão,passaram vergonha novamente,são uns babacas constantes .

    1. São tão autênticas que mostram conversa de uma juíza no Paraná, sendo q a mesma atuava no Rio de Janeiro, são de muita veracidade essas provas editadas.

  5. O DIABO ENSINA FAZER A PANELA MAS NÃO ENSINA A FAZER A TAMPA, TODA TRAMPA COMUNISTA CAIRÁ POR TERRA, NADA RESISTE A VERDADE.

  6. Só pode ser uma cegueira coletiva. Desde o início já dava pra ter sacado que Verdevaldo estava mentindo e que as supostas “provas” apócrifas de nada serviriam por ocasião de não se poder aferir a sua autenticidade. Documentos mexidos. Se é que documentos são. Podem ter sido inventados pelo próprio Verdevaldo e sua equipe de esquerdistas a fim de atacar a lava jato, soltar o sapo barbudo e desmoralizar Sérgio Moro. Parabéns pelo post.

  7. Esclarecer que tudo isso é uma mentira. Dedo da esquerda maldita querendo desestabilizar um governo que está dando rumo a essa nação. Cadeia nesse gringo vermelho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like