A absurda “lei Lula livre” aprovada nesta terça-feira (03) à noite na Câmara dos Deputados tem um trecho feito sob medida para atingir o partido NOVO.

Um dos artigo do projeto estabelece que “os partidos podem comunicar ao Tribunal Superior Eleitoral até o primeiro dia útil do mês de junho a renúncia ao Fundo Especial de Financiamento de Campanha (FEFC), esses recursos serão redistribuídos proporcionalmente aos demais partidos“.

Como o NOVO é o único partido que se recusa a utilizar o fundo partidário e o fundo eleitoral, caso este artigo se torne lei o dinheiro destinado ao NOVO será repartido pelos demais partidos em vez de ser devolvido ao Tesouro Nacional.

A guerra pela aprovação da Reforma da Previdência continua. Faça parte: clique aqui

2 comments
  1. É FÁCIL DE RESOLVER, SÓ O POVO VOTAR NO PARTIDO NOVO, PORQUE SE ELE NÃO QUER DINHEIRO PÚBLICO, É PORQUE NÃO É A PARTIR DO DE LADRÃO, E DE LADRÕES NÓS ESTAMOS CHEIO POR AÍ.
    O ELEITOR QUE TEM QUE OPTAR, PELA CORRUPÇÃO OU PELA HONESTIDADE.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like