A maioria dos ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) votou pelo arquivamento da ação do PT para declarar Jair Bolsonaro inelegível alegando que Luciano Hang teria coagido funcionários da Havan.

O relator da ação, Jorge Mussi, considerou que não há provas de que um vídeo em que Hang apoia Bolsonaro tenha constrangido ou ameaçado funcionários.

O voto do relator foi acompanhado por Og Fernandes, Admar Gonzaga, Tarcísio Vieira Neto e Luís Roberto Barroso. O julgamento foi suspenso após pedido de vista de Edson Fachin.

Contribua com o trabalho da Agência Caneta: clique aqui

2 comments
  1. A típica política tem petista. A mesma usada por Lewandoski no avião. Intolerância. Eles botam os sindicalistas, parasitas dos trabalhadores a fazer campanha para o PT, PSOL e PSTU, dentro das empresas, públicas, estatais e privadas e, querem punir quem gera milhares de empregos. A História tem um lugar para eles: nos anais de como não se deve proceder.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like