Os terroristas do Movimento dos Sem Terra (MST), a ala jovem do Partido dos Trabalhadores (PT) – o Levante Popular da Juventude – e a Frente de Luta por Moradia (FLM) – grupo de invasores de imóveis que cobram aluguel de sem-tetos – declararam na quarta-feira (17) que apoiam o governador Márcio França, do Partido Socialista Brasileiro (PSB), na disputa pelo governo de São Paulo.

Segundo nota, a decisão ocorreu depois de uma reunião com representantes do governador. No encontro, representantes de França se comprometeram a impedir a criminalização dos terroristas do MST e dos invasores da FLM, bem como a criar uma estrutura na Secretaria da Casa Civil para fazer o “diálogo com os movimentos” e construir “políticas públicas de inclusão social com participação popular”.

Os grupos também solicitaram um “tratamento respeitoso por parte da polícia” e a criação de um comitê de conflitos para “evitar reintegrações de posse violentas”. Também declararam apoio a Central de Movimentos Populares (CMP), o Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB), o Movimento dos Pequenos Agricultores (MPA) e o Movimento de Trabalhadores por Direitos (MTD).

Contribua com o trabalho da Agência Caneta: clique aqui

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like