Ato “professores com Haddad” em Fortaleza tem baixo público e canção contra o “coisa ruim” admineta

O ato “professores com Haddad” reuniu apenas cerca de 200 pessoas em Fortaleza, Ceará, na manhã da última segunda-feira (15). A Caneta esteve presente e registrou trechos do evento.

O ato teve canção índigena contra o “coisa ruim”, faixa dos “professor@s contra o fascismo” (enquanto defendem mais estado), cartaz com fake news sobre o kit gay e até pedido para “não ter medo do vermelho” (em alusão à campanha de Haddad que adotou o verde e amarelo no segundo turno). Confira:

Contribua com o trabalho da Agência Caneta: clique aqui

1 comment
  1. Gostaria de saber de jornalista por que toda vez que vai falar de Jair Bolsonaro ele retrata como o “coisa” eu acho tão feio e desrespeitoso e tipo de tratar e modo de falar. Coiso e toda cúpula do pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like