O “diz leitor” da Folha atacou novamente nesta segunda-feira (04).

O destaque do “Painel do Leitor” de hoje é o texto de Vicente Limongi Netto. Segundo ele, “Renan Calheiros foi vítima da ‘nova política’ implantada pelo governo Bolsonaro”.

Limongi vai além: “Renan não merecia ser tratado de forma sórdida e covarde pelos fantoches do Planalto, levando-o a desistir da disputa. Como presidente do Senado, ele jamais permitiu que o Legislativo fosse ultrajado em suas prerrogativas e independência.”

O tal “leitor” da Folha conhece bem Renan Calheiros. Vicente Limongi Netto foi assessor comissionado de outro senador, Fernando Collor, de 2009 a 2013, quando se aposentou. Hoje ele recebe mais de R$ 30 mil por mês de aposentadoria.

Collor e Renan são do mesmo estado, Alagoas, e eram aliados no período em que Limongi trabalhou como assessor de Collor.

Aliás, Vicente é parente de Analice Pimentel Pinheiro, chefe de gabinete do então senador Marconi Perillo (PSDB-GO), e chegou a ser exonerado no dia 24 de outubro de 2008 após o Supremo Tribunal Federal (STF) proibir o nepotismo. Entretanto, menos de quatro meses depois, no dia 13 de fevereiro de 2009, ele retornou ao Senado como assessor comissionado de Collor.

30 comments
  1. Se isso não acabar vamos caminhar defender seu mentor e alimentador de malandragem e viva quem trabalha e alimenta essa raça…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like