Um homem de 27 anos foi agredido com chutes e golpes de garrafa na última terça-feira (09), em frente à Casa da Estudante Universitária de Curitiba (Ceuc), moradia estudantil de alunas da Universidade Federal do Paraná (UFPR). Mídias como Agência Brasil, Jovem Pan, Paraná Portal do UOL, Terra e Tribuna do Paraná se basearam exclusivamente em uma versão inventada pelo Diretório Central dos Estudantes (DCE) da universidade (abaixo) – dominado por militantes do PSOL e cuja capa da página oficial do Facebook é “Ele Não” – para divulgar que os autores da agressão seriam eleitores de Jair Bolsonaro (PSL) e que a motivação seria o homem utilizar um boné do MST, mas bastou o alvo da agressão falar para desmentir mais uma notícia falsa divulgada pela mídia.

De acordo com o delegado da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Luiz Alberto Cartaxo, os suspeitos foram identificados e todos seriam integrantes da Torcida Organizada do Coritiba, a Império Alviverde. Segundo o delegado, a vítima afirmou que a agressão não tinha motivação política. “Ele relata que estava na Casa do Estudante, local que frequenta mesmo já sendo formado. Houve um principio de confusão entre as pessoas ali [da torcida] e ele foi intervir, dizer que não era lugar de briga e, a partir de então, começou a ser agredido com chutes, socos e garrafadas”.

Os suspeitos vão responder pelo crime de lesão corporal agravado por ser duas ou mais pessoas. Um inquérito será instaurado para investigar o caso.

Contribua com o trabalho da Agência Caneta: clique aqui

13 comments
  1. Como assim Luca;vc acompanhou o depoimento?vc tá falando contra seu chefe”delegado”vc é um tolo ou vc não acompanhou nada! Te peço desculpas Lucas se eu interpretei mal a posição do seu texto

  2. Tá um saco isso! Tudo agora é eleitor de Bolsonaro! Eu por exemplo, tenho muito o que fazer e não me sobre tempo pra sair por aí implicando com ninguém! Ah!! Que saco! Galera prendeu o homem da faca e ele não levou um chute e agora essa palhaçada? Tem que ser muito burro pra acreditar nisso!

  3. Tendo acompanhado depoimento do jovem na delegacia, posso dizer claramente que vocês omitiram fatos. Por exemplo, que o delegado citado é eleitor do Bolsonaro, e que por vezes tentou desqualificar a vítima no depoimento, sendo impedido pela escrivã. Outra omissão foi que os membros da torcida organizada, enquanto batiam nele, por depoimento da vítima, gritavam: “Aqui é Bolsonaro!”. Além de terem levado o boné como “prêmio” da agressão

    1. Quer dizer que a prova é que eles gritavam “aqui é Bolsonaro”. Pelo que vejo são bandidos, e embora não possamos dizer que não há nenhum que simpatize com a causa do Bolsonaro, essas “agressões” estão sendo desmentidas, assim como as pichações vão ser, o que vai corroborar a tese de que, mais uma vez, estamos vendo atitudes reprováveis originadas nas hostes da esquerda, por indivíduos suscetíveis à temperatura da polarização política, curiosamente iniciadas no segundo turno. Seria de uma tolice enorme da nossa parte fazer isso, temos sido xingados, agredidos verbalmente, cuspidos, chegando ao ponto máximo a tentativa de assassinato sofrida pelo nosso candidato, e mesmo assim o criminoso não foi linchado, chegou incólume na delegacia. Dia 28 ele será eleito. À esquerda restarão duas opções: Aceitar a derrota nas urnas, ou infernizar o país, atrasando mais ainda os trabalhos da administração por gerar perda de tempo, energia e dinheiro desperdiçado para fazer frente a badernas, desassossego e depredação. 4 eleições seguidas vencidas pela esquerda. Agora vai mudar.

  4. Cadê as autoridades idôneas e as pessoas conscientes pra fazer alguma coisa? Exigimos um desmentido público da mídia! Porque senão qualquer um apronta e põe na conta do Bolsonaro!

  5. Agora tudo é culpa de Bolsonaro ou de seus eleitores. Acho que já passou dá hora da justiça tomar uma providência com relação a esse tanto de mentiras que grandes meios de comunicação espalham.
    Ao propagarem mentiras eles estão não só colocando a democracia em risco, mais também a integridade fisica de varios eleitores ao dissemimar o odio por esse ou aquele candidato.

    1. Por trás de todos esses acontecimentos , devem estar o comandante do exército do MST e a Benedita da Silva. Não foram eles que declararam que ia haver derramamento de sangue e que iriam incendiar o Brasil ? É só investigar que desvenda as armações do PT. E o Haddad fala em pacificação do povo. Qual povo, os bandidos comunistas do Lula ?

    1. na real qm vai ser processado vai ser qm inventou esssa noticia ai! eu conheço o cara que sofreu a violencia e ele esta sendo perseguido em diversas midias sociais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like