Como bem noticiou o ILISP. ocorre esta semana no Rio de Janeiro o XXII Congresso Mundial de Ginecologia e Obstetrícia (FIGO 2018). O evento, que deveria somente sobre os avanços na medicina, se transformou em um verdadeiro congresso abortista com 50 painéis dedicados ao tema (programação completa aqui). E com um detalhe: a velha mídia brasileira escondeu o evento provavelmente temendo impactos eleitorais.

A Caneta fez uma busca nos principais websites da velha mídia e encontrou apenas duas matérias – no O Globo e no Estadão – sobre o evento. Entretanto, nenhuma delas menciona que 50 painéis do evento fazem apologia ao assassinato de fetos (um crime segundo a lei brasileira), pelo contrário: ambas falam apenas de uma “marcha pelo fim da violência de gênero” feita por um punhado de médicos (5% do total de presentes) no evento.

A velha mídia não quer que a população brasileira saiba que este evento está acontecendo, mas a Caneta quer. Aqueles que desejarem também podem comunicar o Ministério Público Federal sobre o evento abortista neste link.

Painel na FIGO 2018 afirma: “TODO aborto é legal”
Contribua com o trabalho da Agência Caneta: clique aqui

1 comment
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like