O novo presidente da OAB, Felipe Santa Cruz – aquele que considera o presidente Jair Bolsonaro “fascista” – defendeu o fim da Lava Jato em entrevista à Folha:

“O Judiciário, assim como qualquer outro Poder, deve responder pelos seus erros. Os crimes, quando e se praticados, devem ser levados à Justiça. Não devemos fazer da Lava Jato um livro em fascículos interminável. Para nós é preocupante a paralisia do poder público, um apagão das canetas diante da insegurança jurídica. Mais grave ainda a paralisia da iniciativa privada. (…) O país está parado como se estivesse num grande processo de acompanhamento de investigações sem fim. O país precisa voltar a produzir, ter rotina, e as empresas a gerar riqueza.”

118 comments
  1. Presidente de OAB q defende corrupto e o fim da Lava Jato deve ser investigado juridicamente e afastado da Presidencai da OAB..vergonha das classes q deveriam defender o direito da populacao e nao dos corruptos …desviaram se do juramento que fizeram !!!vermes.

    1. É isso aí! Não estou vendo Empresas Brasileiras paradas. A não ser a SAÚDE, EDUCAÇÃO, SEGURANÇA, SANEAMENTO BÁSICO, INFRA-ESTRUTURA, dentre outros. Abçs!

  2. Segundo o novo Presidente da OAB O país precisa voltar a produzir, ter rotina, e as empresas a gerar riqueza.” Riqueza só para os ladrões que esse verme defende. Sua vez vai chegar e o povo vai tirar esse estrupício da presidência da OAB.

  3. Essa OAB tem se revelado uma futilidade, sempre na contramão da saciedade brasileira; fechada é lucro para o Brasil. O fim da Lava a Jato só interessa aos corruptos e seus aliados. Porque essa preocupação agora? Porque a lava a jato ameaça chegar ao judiciário? A lava a jato é uma causa abraçada pelo o Brasil e dificilmente alguém se levantará contra ela sem se revelar um suspeito.

  4. Essa OAB só serve para jogar mais lenha na fogueira, se analisarmos bem, não serve para nada só se manifesta quando tudo está indo bem, agora querem é ajudar bandidos pedindo o fim dá Lava Jato, vão cuidar de suas vidas vagabundos

  5. ESSA MERDA DE O A B nunca servio p nada mesmo, são um bando de parasitas, vivendo de uma lei fraca corrupta que não dá exemplo para os infratores.
    Todo bandido para eles são inocente.
    VÃO PARA A INDONÉSIA defender marco aSher ,libertem ele da pena de morte. Bando de cretinos.

  6. Pensei que os idiotas e bossais já tinham recolhidos á sua insignificância, eis que ainda surge mais um babaca SE ACHANDO. Com ou sem OAB o país vive muito bem. Será que vc perdeu a NOÇAO DO PERIGO SR Santa Cruz?

  7. Fico me perguntando quando a advocacia se perdeu, se desviou, desvio esse tanto do caminho da virtude, quanto do caminho da justiça, da moralidade (pública e ética).

    É evidente que o dinheiro é a raiz de todos os males, e que na busca pela riqueza muitos deixam suas virtudes para trás. Contudo, é necessário resistir.

    Não criminalizo aqui, obviamente, o direito ao contraditório e a ampla defesa, assegurados constitucionalmente inclusive (em tempos como o nosso o óbvio deve ser dito), mas sim a condescendência e a procrastinação que tomaram conta dos processos judiciais (sobretudo criminais).

    O mais curioso é ver pequenos e médios advogados (que são a maioria esmagadora dos profissionais atuantes inscritos na OAB) defendendo esse ideal de justiça transviada, lenta e corrompida. A pergunta que faço é: a quem interessa uma justiça dessa monta, a não ser para os criminosos e para os grandes escritórios de advocacia (não, prezado advogado, você não faz parte desse nicho do Olimpo Advocatício) que com seus infindáveis recursos conseguem amealhar decisões (ou indecisões) favoráveis aos seus clientes?

    Uma justiça célere é benéfica para toda a sociedade, sobretudo para os pequenos e médios advogados. Vide a justiça trabalhista e os juizados especiais. Não parece óbvio?

    Creio faltar uma visão crítica e dialética sobre essas questões no seio da profissão, e em como a maioria da advocacia (pequenos e médios) acaba defendendo (e usados como massa de manobra) os interesses de uma minoria de escritórios elitizados que se beneficiam desse status quo.

    Novamente, aí se vê o uso da maioria por uma minoria privilegiada.

    Vida de gado.

    1. Oi, foi quando o dinheiro começou a entrar fácil para alguns que começaram a defender os interesses próprios, ao defenderem essa raça de esquerdistas de araque.

  8. Declaração para a platéia dele. Quero ver é disposição para posicionar a OAB em favor da moralidade nos negócios e para debelar a corrupção.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

You May Also Like